qua, 24 de abril de 2024 01:24

Babá é presa em flagrante pela Polícia Civil por negligência que resultou na morte de bebê

A Polícia Civil prendeu em flagrante, nesta semana, em Lucas do Rio Verde, uma babá investigada pela morte de um bebê de sete meses, no Distrito de Primaverinha. O flagrante foi homologado pelo pelo Poder Judiciário local, após audiência de custódia neste sábado (26).

Conforme a apuração da Delegacia de Lucas do Rio Verde, a mulher de 43 anos, residente no distrito, cuidava do bebê há aproximadamente dois meses. A família da criança notou comportamentos não usuais ao buscá-lo na casa da babá, contudo, nada que tivesse chamado a atenção.

Nesta quinta-feira (24), o bebê foi deixado na casa da babá, sem lesões ou machucados. Porém, por volta das 08h30 da manhã, a criança começou a apresentar sinais de que não estava bem, mas a ajuda médica foi chamada somente por volta das 11h e a vítima foi encaminhada para a cidade de Lucas do Rio Verde, onde a morte foi atestada às 12h.

A equipe da Delegacia da Polícia Civil foi chamada ao hospital pois a criança não apresentava de histórico de doença grave, mas estava com lesões apontadas pelo médico da unidade. Após diligências investigativas, a apuração concluiu que houve negligência da babá em procurar ajuda médica adequada e a tempo, o que impactou diretamente na morte do menor.

A mulher foi autuada em flagrante na delegacia de Lucas do Rio Verde pelo crime de homicídio culposo. Neste sábado, ela passou por audiência de custódia e a prisão em flagrante foi homologada pelo juízo da Comarca, que definiu pagamento de fiança.

A delegada Ana Caroline Mortoza Lacerda explicou que as investigações prosseguirão e apenas a conclusão da perícia da Politec poderá determinar a causa da morte do bebê e se houve dolo por parte da investigada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

redes sociais

Notícias relacionadas

Ultimas noticias