qua, 24 de abril de 2024 03:10

Polícia caça membros do “tribunal do crime” suspeitos de matarem rivais em Cuiabá

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta quinta-feira (28) a “Operação Themis” para cumprimento de três mandados de prisão e cinco de busca e apreensão contra uma facção criminosa envolvida com diversos homicídios em Cuiabá.

A investigação da DHPP identificou os executores e mandantes de um castigo e tortura contra dois jovens. Felipe Fernandes Rodrigues da Silva, de 21 anos, anos foi executado com vários tiros por membros de uma facção criminosa há dois anos no bairro Cinturão Verde e, outra jovem, de 22 anos, foi torturada até a morte.

Diante das análises das provas técnicas a polícia representou pelas prisões e buscas nas casas dos investigados, sendo os pedidos deferidos na íntegra pelo Poder Judiciário”, comentou o delegado Ricardo Franco de Oliveira, que conduz o inquérito. 

Conforme a investigação, os membros da organização criminosa decidiram, às margens da lei, pela instalação do ‘tribunal do crime’ e, consequentemente, pela punição imputada às vítimas em decorrência de um suposto estupro praticado contra uma moradora da região do Pedra 90, que denunciou os dois rapazes à facção. 

A equipe apurou que fotos das vítimas circularam por um aplicativo de mensagens informando que Felipe Fernandes e o outro rapaz estavam sendo procurados pelo suposto crime.

“O trabalho da Polícia Civil é uma resposta à sociedade, para que a verdadeira justiça seja feita, com o desmantelamento da organização criminosa e responsabilização dos integrantes pelos gravíssimos crimes praticados, todos eles considerados hediondos na legislação”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

redes sociais

Notícias relacionadas

Ultimas noticias